Existem no país cerca de 30 mil academias e, segundo denúncia da TotalPass ao Cade, os contratos de adesão da Gympass envolviam 23,6 mil estabelecimentos

A decisão do Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade) de suspender, via medida cautelar, os contratos exclusivos da Gympass com academias de ginástica, em fevereiro deste ano, tem surtido efeito no mercado, segundo donos de academias, associações e concorrentes.

Esses grupos afirmam que o fim da exclusividade mostrou-se benéfico e deve ser mantido. Do outro lado, a Gympass argumenta que investe nos parceiros e que, por isso, a manutenção da exclusividade seria necessária.

O caso chegou ao órgão antitruste por meio de uma representação feita pela rival TotalPass (pertencente ao mesmo grupo da SmartFit) em 2020.

Como fica o mercado de academias

O setor é bastante pulverizado. A maior rede do mercado, a Smartfit, fechou o segundo trimestre deste ano com 1.121 unidades.

Em dezembro de 2021, a superintendência geral do Cade publicou uma decisão preventiva, impedindo que a Gympass firmasse novos contrato de exclusividade… leia mais em Valor Econômico 18/09/2022