A notícia de que três investidores fizeram ofertas pela Braskem “nos últimos dias”, publicada agora à tarde pelo Valor, fez preço no papel da petroquímica, que explodiu na última meia hora do pregão para fechar em alta de 5% a R$ 36,69.

Mas de acordo com pessoas envolvidas na potencial transação, a notícia é velha — e o processo está parado.

BTG Pactual, Apollo Global Management e Unipar realmente apresentaram propostas individuais pela companhia, mas isso aconteceu meses atrás, e as ofertas foram rechaçadas pela família Odebrecht.

Os vendedores têm sinalizado aos potenciais compradores que vão esperar o resultado das eleições, na expectativa de que o próximo governo jogue uma boia para o conglomerado baiano… saiba mais em Brazil Journal 29/07/2022