A N5X, nova bolsa de energia brasileira, começa a operar sua plataforma de negociações no mercado livre de energia a partir desta quinta-feira (20). Com mais de 160 empresas registradas, o sistema passa a permitir a compra e venda no mercado local para contratos com entrega física.

A N5X é voltada para grandes geradores de energia, grandes consumidores, instituições financeiras e comercializadoras, habilitadas na CCEE (Câmara de Comercialização de Energia Elétrica) para operar no mercado livre. Entre as empresas já cadastradas, estão Casa dos Ventos, Copel, Raízen, Danske e Assaí Atacadista.

A meta da nova bolsa é aumentar o giro atual do mercado de 4,27 vezes, em 2022, para 10 vezes nos próximos anos. Hoje, o mercado de trading de energia brasileiro é majoritariamente físico e representado por negociações e formalizações bilaterais em 71% dos casos… leia mais em InfoMoney 20/06/2024